REQUERIMENTO DA PLACENTA

BAIXE AQUI UM PDF COM UM REQUERIMENTO FORMAL DA SUA PLACENTA

Nenhuma mulher que queira ver, ou ter sua placenta deveria ter que justificar suas motivações, no entanto, é muito comum vermos profissionais da assistência ao parto questionarem e julgarem esses pedidos com base em seus próprios tabus e pré conceitos. O PARTO É DA MULHER, TUDO QUE NELE OCORRE É SOBRE ELA EM PRIMEIRA INSTÂNCIA, SOBRE ELA E SEU BEBÊ!

Nossos tabus, pré conceitos e julgamentos devem ficar guardados conosco, garantindio à elas o direito e autonomia sobre seu corpo, bem como exercer sua liberdade de consciência, crenças e valores.

A OMS recomenda que: “O bem estar da recém mãe deve ser garantido por meio de livre acesso ao parto para o membro da família escolhido, e durante todo o período pós-natal; mulheres que pariram em instituições devem manter seu direito de decidir sobre vestimentas, alimentação, destino da placenta e outras práticas culturalmente significantes; e os recém nascidos saudáveis devem permanecer com suas mães todo o tempo possível (…)”

E código de ética médico em ser artigo 24 diz: “É vedado ao médico: Deixar de garantir ao paciente o
exercício do direito de decidir livremente sobre sua
pessoa ou seu bem-estar, bem como exercer sua
autoridade para limitá-lo.”

A própria ANVISA, órgão que regulamenta o funcionamento das instituições de saúde, determina em sua RDC 306/2004 que a decisão sobre o destino da placenta é de direito da mulher.

BAIXE AQUI UM PDF COM UM REQUERIMENTO FORMAL DA SUA PLACENTA

Open chat
Fale com a gente!